Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2018

POEMAS INÉDITOS DE PABLO NERUDA: AMOSTRAS DE UMA CHAMA IMORTAL

Imagem
Poemas inéditos de Pablo Neruda: amostras de uma chama imortal
de Pilar Martín 

Esperando para serem descobertos, os textos repousavam na Fundação Neruda, em Santiago, dentro de caixas que continham pastas com anotações do poeta escritas em um programa musical, em cadernos ou no cardápio de um navio. "Meu coração, sol da minha pobreza, é esse dia, sabe?" Assim começa um dos 21 poemas inéditos de Pablo Neruda descobertos há três anos e que nos dias de hoje são colocados à venda no livro "Seus pés brincam à sombra e outros poemas não publicados por Pablo Neruda". Esperando para ser descoberto, estes poemas descansou na biblioteca e arquivo da Fundação Pablo Neruda em Santiago do Chile em caixas que contêm pastas com notas escritas pelo poeta em um programa musical em notebooks ou no menu de um navio. Mas há três anos, como disse Fernando Saez, diretor executivo da Fundação Pablo Neruda, à Efe, e "após anos de pesquisa", foi realizada a "revisão" dessas…